loading...

quinta-feira, 2 de fevereiro de 2017

Coordenador da 4ª Coorpin faz balanço da "Operação Guardiões do Recôncavo"

O coordenador da 4ª Coorpin, o delegado Edilson Magalhães em entrevista coletiva falou sobre as atividades da ‘Operação Guardiões do Recôncavo’, operação conjunta com a Polícia Militar. Em um breve balanço Magalhães informou que a operação tem o intuito de combater a criminalidade. Após um final de semana significativo onde houve uma atividade criminosa no Bairro Alto Santo Antônio algumas diligências foram feitas e conseguiram capturar um suspeito de envolvimento em um tiroteio além da apreensão de uma grande quantidade de drogas.

Com um efetivo de cerca de trinta homens aparados, o delegado salientou que a operação terá continuidade tanto nos finais de semana quanto no interim. Magalhães revelou ainda que facções estão se formando nos bairros e ressaltou a violência com que agem. Cerca de 14 suspeitos foram apreendidos e aguardam decisão judicial para a transferência para presídios da região.

Crise carcerária: Edilson Magalhães falou a respeito da crise carcerária no país e pontuou que com o aumento da criminalidade muitos estão sendo presos, onerando assim as delegacias e os presídios públicos. Nesta segunda-feira (30) dois fugiram do complexo da cidade de Conceição do Almeida, sendo que um foi recapturado.

Homicídios relacionados ao tráfico de drogas: três mortes foram relatadas somente no mês de janeiro e de acordo Magalhães, estão relacionadas diretamente com o tráfico de drogas. Sobre a morte de Maria Bonfim, atingida com 10 tiros foi motivada por vingança. Segundo o delegado, a vítima havia denunciado Alex Moreira Santos, chefe da facção Katiara no município.

Apreensão de armas de fogo e simulacros: uma grande quantidade de armas foi apreendida em operações policias desde o início do ano. De acordo Magalhães o armamento é oriundo de tráfico e evasão de fronteiras já que o município é circundado pela Rodovia BR-101.

Transferência de pesos para presídios da região: 8 detentos foram transferidos para um complexo penal da capital baiana no intuito de desafogar a cadeia pública. De acordo o Coordenador, mais serão encaminhados e de acordo a medida que mais suspeitos forem apreendidos serão encaminhados a penitenciárias da região.


Estamos aguardando mais informações sobre a morte de 7 elementos e prisões de outros, apreensão de armas e munições, fato que aconteceu nesta quarta (01), no Tabuleiro de Menezes, Conceição do Almeida.


F: Voz da Bahia

2 comentários:

  1. Agora vocês tem que partir pra cima das duplas de moto que estão tocando terror geral.

    ResponderExcluir
  2. As blitz tem que ser constante contra essas duplas de moto.

    ResponderExcluir

loading...
loading...