terça-feira, 16 de maio de 2017

CRUZ DAS ALMAS: Vereadora Maria José Cedraz renuncia a Mesa Diretora; vereadores da situação se ausentam da bancada

A 15ª Sessão Ordinária realizada na Câmara Municipal de Cruz das Almas, na noite desta segunda-feira (15/5), foi considerada frustante para quem esperava um embate de alto nível regado a críticas e discussões como de costume em toda Casa Legislativa, que geralmente não vota num importante projeto sem haver o típico confronto entre os parlamentares.

O motivo da frustamento para quem acompanhou a Sessão na galeria, foi por conta da ausência dos seis vereadores que compõe a bancada de sustentação do governo municipal.

Acredita-se que a ausência dos parlamentares seja uma forma de repúdio para a presidência da Câmara, pois segundo informações, a bancada de situação teria entrado com uma ação litigiosa na Justiça alegando que o Legislativo Municipal não seguiu o princípio da proporcionalidade ao formar a Mesa Diretora para o biênio 2017/2018.

O jurídico da casa pode contestar tal ação, mas para evitar conflitos, a vereadora Maria José Cedraz (PSC), emitiu uma carta de renúncia já publicado na pauta do dia (da 15ª Sessão Ordinária do 1º período Legislativo) deixando o cargo à disposição preferencialmente para a bancada de situação.

A carta de renúncia foi entregue para o presidente da Casa, Edson Ribeiro (DEM), onde consta a renúncia do 1º Secretário da Mesa Diretora, renúncia esta de caráter irrevogável, irretratável e com efeito imediato para tal.

Após a Sessão, a vereadora Maria Cedraz concedeu uma entrevista exclusiva para o repórter Marcelo Santos, do blog Forte no Recôncavo.
Ouça a entrevista na integra no play abaixo

Nenhum comentário:

Postar um comentário