quinta-feira, 25 de maio de 2017

Polícia Civil prende acusado de fabricar e distribuir notas falsas nas cidades do Recôncavo

A Polícia Civil de Amargosa prendeu na manhã desta quinta-feira (25/5), Yan Philipe da Silva Sampaio Cunha, 18 anos, o qual, em companhia de seu parceiro Kennedy Matos de Almeida, estariam produzindo notas falsas e repassando no comércio de Amargosa.

Após receber a denúncia de alguns estabelecimentos comerciais de que pessoas estavam repassando notas falsas na cidade, o SI da Delegacia de Amargosa iniciou as investigações, concluindo rapidamente pela participação dos acusados.

Para tentar enganar os comerciantes, os acusados pediam alguns produtos alimentícios no comércio pelo serviço de entrega a domicílio, fazendo se passar por outra pessoa, alegando necessitar de troco para o valor de R$ 100,00 (cem reais), se diziam morar em outra residência, preferencialmente numa rua com pouca iluminação e em conluio com o menor de iniciais W. B. C., o qual entregava o dinheiro falso e recebia o produto e o troco em nota verdadeira. Há informações que os mesmos tentaram revender notas falsas.

Os acusados irão responder pelos crimes de moeda falsa e corrupção de menor.

Yan Philipe da Silva Sampaio foi recolhido a carceragem e se encontra a disposição da Justiça Criminal. O seu parceiro Kennedy Matos de Almeida não foi localizado.


F: Amargosa News

Nenhum comentário:

Postar um comentário