segunda-feira, 2 de abril de 2018

CRUZ DAS ALMAS: Projeto cultural para agentes culturais chega na cidade

Após lançamento em Feira de Santana (Território Portal do Sertão), o Portal Cultural - Formação e Qualificação de Agentes Culturais, chega a Cruz das Almas. Até julho de 2018 o projeto seguirá oferecendo aulas gratuitas e presenciais para artistas, produtores, gestores e ativistas culturais, envolvendo, ao todo, cerca de 250 participantes entre as cidades de Feira de Santana, Cruz das Almas, Lençóis, Serrinha e Capim Grosso.

Em Cruz das Almas, o curso acontece na semana de 23 a 29 de abril. As aulas, a ser ministradas na Biblioteca Municipal da cidade, irão abordar temáticas, conceitos e práticas de gestão e produção cultural, empreendedorismo, elaboração de projetos culturais e prestação de contas. As inscrições podem ser realizadas até o dia 20 de abril, na página do projeto no Facebook (@PortalculturalBA).

Para Taíse Campos, presidente da Associação Movimento Cultural Afoxé Guian Filhos de Oxalá, instituição realizadora do projeto, “através desta iniciativa, nos comprometemos com a formação cultural em atenção às demandas e às necessidades dos agentes do interior do estado, abrindo frentes de diálogo com a juventude, com artistas, empreendedores e grupos tradicionais de cada lugar”, declara com atenção aos diferentes Territórios de Identidadeque serão contemplados com o curso.

Todos os módulos do curso serão ministrados por professores especialistas, comunicólogos, gestores culturais e/ou pesquisadores da área, e contarão com material didático exclusivo, produzido especificamente para o curso.

O Portal Cultural está sendo realizado em parceria com o Galpão Cultural, com a Universidade Federal da Bahia e com a Universidade Federal do Recôncavo da Bahia, através do Observatório de Economia Criativa – OBEC e, em Cruz das Almas, conta com o apoio da prefeitura cidade, através da Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer. Em sua realização total, o projeto tem o apoio financeiro da Secretaria de Cultura do Estado da Bahia, através do Edital de Formação e Qualificação em Cultura 2016, do Fundo de Cultura.

Nenhum comentário:

Postar um comentário