segunda-feira, 7 de maio de 2018

Projeto Laços que Unem vai introduzir uso do sling na rede municipal de Saúde de Irecê

Em comemoração ao Dia das Mães, a Prefeitura de Irecê apresenta, na próxima quinta-feira (10), o projeto Laços que Unem. Realizada pela Secretaria de Saúde em parceria com o grupo Canguru Sling, a ação tem como orientadora e madrinha a primeira-dama Cynara Barbosa, e acontece na Praça CEU a partir das 8h30.

O evento conta com apresentações de técnicas do sling e dança, é gratuito e aberto a todas as gestantes e puérperas, além de voltado aos profissionais de Saúde, incluindo médicos, enfermeiros e técnicos de enfermagem dos PSFs, que serão capacitados e treinados para a técnica.

“Nessa primeira edição, a equipe piloto do projeto será formada com integrantes dos PSFs Centro I e Centro II. O nosso objetivo é que esse projeto se estenda a todas as Unidades Básicas de Saúde do Município, a depender da aceitação desse público, formado por gestantes e puérperas”, explica a supervisora de Educação Permanente Luésia Ramos.

Para a idealizadora do grupo Canguru Sling, Patrícia Souza, “essa ação é muito importante, pois visa potencializar as condições para a necessária construção do vínculo mãe e bebê. Também proporcionando saúde biopsicossocial e maior qualidade de vida física e emocional aos bebês de até três anos de idade que nascerão a partir da implantação do projeto”.

Canguru Sling – Inspirado no método canguru que já existe em hospitais e auxilia no desenvolvimento neurológico, cognitivo e motor da criança, é uma iniciativa privada que objetiva provocar mudanças sociais partindo da base da construção humana, o vínculo mãe- bebê, e traz como benefícios a eliminação de cólicas, refluxo, além de permitir uma maior mobilidade de mães e pais.

O sling é ergonômico, versátil e útil, podendo ser usado em três posições: peito a peito, lado e costas, além de ser utilizado desde a gestação como faixa de sustentação da barriga, como saída de maternidade e/ou até a criança atingir o peso de 22 quilos ou três anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário