quinta-feira, 9 de agosto de 2018

José de Arimateia é homenageado com o Título de Cidadão Baiano

Nascido em Alexandria, no interior do Rio Grande do Norte, o deputado José de Arimateia (PRB) é o mais novo cidadão baiano. A concorrida cerimônia de entrega da honraria aconteceu nesta quarta-feira (8) no Auditório Jornalista Jorge Calmon, na Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (ALBA). O projeto de lei, que propôs a concessão do título ao deputado, foi apresentado pela ex-deputada Zelinda Novaes e resgatado na atual Legislatura por Pastor Sargento Isidório (Avante). 

A sessão especial foi comandada pelo presidente da ALBA, deputado Angelo Coronel (PSD), e contou com as presenças do desembargador Baltazar Miranda Saraiva, da vereadora de Salvador Rogéria Santos (PRB), da defensora pública Laise de Carvalho Leite, do secretário de Habitação de Feira de Santana Eli Ribeiro, dos bispos da Igreja Universal, Cláudio Botelho e Sérgio Simplício, e do escritor Luís Holanda.
A cerimônia foi marcada pela emoção e teve seu auge com a apresentação artística do músico e ator Ed Bala, que fez um resgate da infância do homenageado. Teinha, como é conhecido o deputado entre os amigos e familiares, trabalhava na feira de Alexandria desde os 8 anos de idade vendendo feijão e ajudando o pai nos afazeres diários. Durante a sessão especial, um vídeo feito por assessores, amigos e familiares também prestou homenagem ao novo cidadão baiano. 

O deputado Pastor Sargento Isidório destacou a história de vida do homenageado. “José de Arimateia representa esse irmão maravilhoso de todos nós, uma vez que de irmão se transforma em pastor e hoje é um bispo da Universal. Tem todo o meu respeito e admiração. Ele vem do Rio Grande do Norte passando todo sofrimento e dificuldades, já era um projeto de Deus na vida dele para o benefício do povo baiano. Não é porque sou pastor da Assembleia de Deus, que não vou reconhecer o valoroso trabalho que o bispo José de Arimateia faz aqui”, observou. 

Isidório relembrou ainda a atuação de Arimateia no Parlamento da Bahia. “É difícil adjetivá-lo. Quem conhece a trajetória deste homem cor de camarão, todo vermelho, nas horas difíceis aqui, principalmente nas horas em que a vida do povo de Deus está em jogo no duelo do inferno contra o céu, eu vejo esse bispo ficando vermelho indo lá, vindo cá. O bispo Arimateia faz parte da luta para colocarmos nesta Casa o quadro que homenageia o povo de Deus”, exemplificou o deputado. 

Homenageado do dia, José de Arimateia não conseguiu conter as lágrimas em diversos momentos da cerimônia. Em seu discurso, o parlamentar recordou sua trajetória ao lado da esposa Cristina Paiva desde Alexandria, passando por Natal, Salvador, Feira de Santana, Santaluz, Serrinha, Ilhéus e novamente Feira como representante da Igreja Universal do Reino de Deus.

O deputado recordou sua entrada na vida política em 1998, quando foi eleito deputado estadual pelo PMDB. Posteriormente, foi eleito vereador de Feira de Santana por duas vezes. Em 2010, se elegeu deputado estadual novamente e renovou o mandato eletivo em 2014. “Quero, primeiro, agradecer a Deus, porque eu já ouvia falar de Deus, mas a aliança com Deus eu só vim entender quando conheci a Igreja Universal do Reino de Deus. Por isso hoje estou aqui. Graças ao trabalho que a igreja tem feito, não só aqui, como também em toda a Bahia, no Brasil e no mundo”, afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário