segunda-feira, 22 de outubro de 2018

Mulher é chantageada após deixar celular com 'nudes' em loja de telefonia; dono é preso em motel ao forçar sexo com vítima

No último domingo (21), policiais militares do Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) da 66ª Companhia Independente, conduziram em flagrante um homem acusado pelos delitos de grave ameaça e chantagem.

Solicitada pelo CICOM\190, com base em uma denúncia de uma jovem que informou que estaria sendo coagida em um motel, sob suspeita de tentativa de estupro e ameaça, a guarnição deslocou de imediato até o local, onde encontrou os envolvidos.

A jovem relatou aos policiais que o acusado seria o proprietário de uma loja de celulares com quem teria trocado um smartphone, entretanto, no seu aparelho possuía fotos íntimas, o que motivou que o homem a chantageasse, ameaçando que somente não as divulgaria se fizessem sexo.

Os envolvidos e seus smartphones foram conduzidos e apresentados na Central de Flagrantes, para que medidas cabíveis fossem adotadas.


F: Central de Polícia

3 comentários:

  1. Fez o correto!
    Notificou os agentes de segurança.

    ResponderExcluir
  2. Isso é muito desagradável, é falta de privacidade da parte do proprietário das lojas, invadindo vidas alheias, e ainda por cima sem autorização.

    ResponderExcluir