sábado, 1 de dezembro de 2018

Casal é preso no Recôncavo baiano horas depois de cometer um latrocínio

Poucas horas depois de cometer Latrocínio (roubo seguido de morte), que é roubo seguido de morte, foi preso pelas Policiais Civil e Militar da cidade de Varzedo, na região do Recôncavo baiano, o casal Arnaldo Cavalcante da Silva Mello, 20 anos e Tatiane Andrade dos Santos, 22 anos.

O bárbaro crime ocorreu por volta das 2 horas da madrugada deste sábado (01/12), quando Tatiane atraiu a vítima Domingos Nascimento de Jesus, de 61 anos, para uma emboscada, num matagal, próximo a localidade de Sol Posto, em Varzedo, quando apareceu Arnaldo, que estava escondido e começou a agredir a vítima desferindo pedradas em sua cabeça, até esfacelar o crânio. Em seguida subtraiu todos os seus pertences e roupas, deixando a vítima totalmente nua. A vítima não teve chance de defesa.

O crime logo ganhou repercussão pela crueldade e covardia com que foi praticado, tendo mobilizado equipes da Polícia Civil e Militar de Varzedo, que em poucas horas depois prendeu Tatiane e, em seguida, foram desenvolvidas diversas diligências conjuntas até concluir com a prisão de Arnaldo.

A Cidade de Varzedo vem de um longo período de tranquilidade em matéria de segurança pública. O último homicídio ocorreu há mais de dois anos, graças a eficiência e integração entre as polícias. A persistência e a rápida ação policial foram decisivos para a elucidação do crime.

Nenhum comentário:

Postar um comentário