sábado, 29 de junho de 2019

Cruz das Almas registra o segundo homicídio do ano

Um jovem de 17 anos foi morto cruelmente a tiros dentro de um imóvel localizado na comunidade da Embira (zona rural) do município de Cruz das Almas, no Recôncavo baiano. O crime teria ocorrido no início da manhã deste sábado (29/junho). De acordo com informações, a vítima identificada como Felipe, natural de Maragogipe, foi encurralada por seis homens encapuzados com blusões camuflados no estilo militar. Após o crime, os assassinos pularam uma cerca. Acredita-se que que a motivação seja por conta de um suposto estupro cometido pela vítima durante os festejos juninos, onde o mesmo em vida teria estuprado uma garota de 12 anos em Governador Mangabeira.

Essa já é a segunda morte violenta do ano registrado até o momento em Cruz das Almas. O primeiro crime violento foi registrado na cidade, foi no dia 6 de março, onde teve como vítima o jovem de 29 anos identificado como Alessandro de Jesus Oliveira, vulgo Jô, de 29 anos, morto a tiros dentro de uma residência localizada no Beco do Américo, na Rua Rio Branco.

F: #ForteNoReconcavo

Nenhum comentário:

Postar um comentário