sexta-feira, 9 de fevereiro de 2018

Quadrilha comprava abadá com cartões fraudados

Lucas de Oliveira Santos, de 26 anos, José Nilson Barreto, 27, e Diego Gomes Barreto, 30, foram presos, na manhã desta quinta-feira (8), por investigadores do Departamento de Crimes Contra o Patrimônio (DCCP), para desarticular uma quadrilha especializada em fraudes com cartões de crédito. O trio chegou a comprar mais de 600 camisas de acesso à camarotes do Carnaval de Salvador.

O diretor do DCCP, delegado Élvio Brandão, informou que a quadrilha vinha sendo investigada há dois meses. O Engenheiro elétrico Diego Gomes e o estudante de engenharia química José Nilson estavam com mandados de prisão preventiva em aberto e foram presos no bairro de Ondina, onde residem. Já Lucas, foi localizado em Stella Maris. A polícia apurou que a quadrilha utilizava dados de terceiros, inclusive estrangeiros, para emitir cartões de crédito em seus nomes. O grupo havia alugado duas suítes num hotel de luxo em Salvador, para passar o Carnaval, por R$ 24 mil.

Relógios de luxo, garrafas de whisky, energético e R$ 2 mil, em espécie, foram apreendidos com os criminosos. Duas mulheres também foram conduzidas para o DCCP e a polícia apura a participação delas no golpe. Lucas, José Nilson e Diego vão responder por estelionato e associação criminosa. Lucas passará por audiência de custódia, no Núcleo de Prisão em Flagrante (NPF), na Avenida ACM.

Nenhum comentário:

Postar um comentário