domingo, 16 de setembro de 2018

Morador de Cruz das Almas morre durante confronto com a polícia na Rua da Estação

Na manhã deste domingo (16/09), por volta das 5h, as guarnições do PETO Alfa/Bravo juntamente com a Rondesp Leste em ação conjunta, foram na Rua da Estação, em Sapeaçu, para averiguar a veracidade de uma denúncia anônima em que dizia haver um ponto de tráfico de drogas num imóvel. Chegando lá, as guarnições foram recebidas a tiros havendo um revide que resultou na morte do individuo Claudionor de Jesus Conceição, vulgo "Pó" de 23 anos, natural de Cruz das Almas. Em poder do suspeito foi encontrado drogas, balança de precisão e uma revólver calibre 38. As guarnições prestaram socorro ao mesmo após ser baleado, mas o mesmo não resistiu aos ferimentos e veio a óbito no hospital.

O corpo foi encaminhado para o Departamento de Polícia Técnica de Santo Antônio de Jesus.

Com informações do Portal Sapeaçu na Mídia

3 comentários:

  1. Eu soube, é um caminho triste.
    Que Deus leve conforto para os familiares, meus pêsames.

    ResponderExcluir
  2. Foi tarde ave preta do diabo

    ResponderExcluir
  3. Conforto aos familiares.

    Se um beco escuro
    Fumaça, bagulho, achou que viu
    Becos e vielas lá na favela
    A mais de mil, já viu
    Se um beco escuro
    Fumaça, bagulho, achou que viu
    Becos e vielas lá na favela
    A mais de mil, já viu
    Te livre a maldade que tira o direito de viver
    Se ligue na idéia, meu brother, que eu dou pra você
    Ô tiradinho à miserável não bota a base atrás do trio
    Não vá que é barril, não vá que é barril...
    Se um estrupador, pedófilo, na depressão caiu
    Não vá que é barril, não vá que é barril...
    Ô carnaval,alto das pombas,nordeste,boca do rio
    Não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril.
    Troca tiro com a Rondesp, dá de testa com a Civil
    Não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril,
    Não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril.
    Fantasmão, a nova geração do swing...
    Favela, favela é favela
    Mas se um beco escuro
    Fumaça, bagulho, achou que viu
    Becos e vielas lá na favela
    A mais de mil, já viu
    Se um beco escuro
    Fumaça, bagulho, achou que viu
    Becos e vielas lá na favela
    A mais de mil, já viu
    Te livre a maldade que tira o direito de viver
    Se ligue na idéia, meu brother, que eu dou pra você
    Ô tiradinho à miserável não bota a base atrás do trio
    Não vá que é barril, não vá que é barril...
    Se um estrupador, pedófilo, na depressão caiu
    Não vá que é barril, não vá que é barril...
    Calabar, Alto das Pombas, Nordeste, Boca do Rio
    Não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril.
    Troca tiro com a Rondesp, dá de testa com a Civil
    Não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril,
    Não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril.
    A idéia já foi dada, irmão...
    Não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril...
    Não vá que é barril, não vá que é barril, não vá que é barril...
    Aos meus inimigos só desejo o bem
    O ódio só faz mal, meu velho
    Só desejo pra quem tem...♪♪♪♪♪

    ResponderExcluir