sábado, 26 de janeiro de 2019

MURITIBA: Reativação da ADAB na cidade vacina 98,7% do gado contra a Febre Aftosa

A Agência de Defesa Agropecuária da Bahia (ADAB) estava com seu posto de Muritiba desativado desde a gestão anterior, sendo este restabelecido no mês de março de 2018.

Logo após o restabelecimento - através da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente, começamos a primeira etapa da campanha contra a Febre Aftosa no ano de 2018, atingindo o relevante índice de 77% de vacinação. Os números continuaram subindo, e após a segunda etapa da campanha (no segundo semestre do ano passado) atingimos 98,7% de vacinação. 

A febre aftosa é uma doença viral e altamente contagiosa que afeta animais como bois, búfalos, cabras, ovelhas e porcos. Pode ser transmitida principalmente pelo contato entre os animais doentes e sadios. O vírus pode ser transportado pela água, ar, alimentos, pássaros e até por pessoas que entrem em contato com animais doentes.

A referida enfermidade provoca restrições sanitárias ao estado e ao país, desemprego no setor frigorífico, desvalorização no preço da arroba e pode causar sanções e embargos comerciais a outros produtos, como o farelo de soja, frutas e exportação de carne de frango e suína. As perdas monetárias causadas pelo alastramento da febre aftosa em um país são calculadas na casa dos bilhões de dólares por ano. 

No município de Muritiba há uma população de 3.848 bovinos distribuídos entre 73 produtores em 76 propriedades.

Nenhum comentário:

Postar um comentário