sexta-feira, 4 de outubro de 2019

Nove empresas vão investir R$ 964 milhões em Santo Antônio de Jesus e em mais 7 cidade baianas

A Bahia receberá R$ 964,1 milhões em investimentos, com a implantação de nove empreendimentos que assinaram protocolos de intenções na quinta-feira (03/outubro), na Secretaria de Desenvolvimento Econômico (SDE). A previsão é que sejam gerados 452 empregos diretos nos municípios de Ipiaú, Camaçari, Feira de Santana, Dias D’Ávila, Vitória da Conquista, Tanque Novo, Caetité e Santo Antônio de Jesus.

“A SDE está com as portas abertas e nós estamos a disposição para ajudar o empresário que quiser investir no estado. Os novos protocolos assinados vão beneficiar oito municípios e gerar emprego e renda para o povo baiano. De janeiro até hoje já assinamos R$ 8 bilhões em protocolos, com previsão de gerar 6 mil empregos”, afirma o vice-governador João Leão, secretário de Desenvolvimento Econômico.

O maior investimento é da Atlantic Energias Renováveis, do grupo chinês CGN Energy International Holdings Co. Limited (CGNEI), que vai investir R$ 785 milhões para implantar parque eólico nos municípios de Tanque Novo e Caetité, com 180 Megawatts (MW).

De acordo com José Roberto de Moraes, diretor-presidente da Atlantic, o projeto vai participar do próximo leilão marcado para 18 de outubro. Caso o projeto seja contemplado, a previsão é que as obras civis, que devem gerar 1 mil empregos, comecem no segundo semestre de 2020. A previsão é que o parque fique pronto em no máximo dois anos. “Acredito que o mais importante na instalação de um empreendimento são os legados que ficam. Além de profissionais capacitados, os municípios ganham com os projetos sociais implementados e autossustentáveis”, afirma.

RMS
Na região Metropolitana de Salvador serão três empreendimentos. A Novaforma Nordeste Plásticos que vai investir R$ 8 milhões em Camaçari, para implantar uma unidade industrial para fabricação de forro e acessórios, com capacidade de produção de 2,6 mil toneladas/ano e a geração de 105 empregos diretos.

Já a Realce Comércio e Indústria de Tintas vai ampliar, no mesmo município, sua unidade destinada à fabricação de massa PVA e massa acrílica, com investimentos de R$ 3,3 milhões e incremento na capacidade de produção de 300 mil litros/mês. Os 22 empregos serão mantidos e mais oito serão gerados.

Em Dias D’Ávila, a Incenor Indústria Cerâmica do Nordeste, que fabrica pisos e revestimentos cerâmicos, será ampliada com investimentos de R$ 156 milhões e aumento na capacidade de produção de 12 milhões de m2/ano. Serão mantidos os 420 empregos existentes e promovidos a geração de até 125 novas vagas.

Feira de Santana
Em Feira de Santana, serão implantados dois empreendimentos com um total de R$ 4,5 milhões. A Aço Master Indústria Metalúrgica vai fabricar artefatos e armações de metal, com investimentos de R$ 2,5 milhões e capacidade de produção de 7 mil toneladas/ano. Serão gerados 50 empregos. Já a Triunfo Indústria Alimentícia vai implantar um centro de distribuição de produtos alimentícios, com investimentos de R$ 2 milhões, com a geração de 30 vagas de trabalho.

Outras regiões
A Indústria Brasileira de Chocolate, que já produz o chocolate Gran Kakao, em Ipiaú, fez um investimento de R$ 800 mil para implantação de fábrica que tem capacidade de produção de 10 quilogramas/hora e emprega 20 empregos diretos. A Oceano vai implantar unidade industrial para fabricação de caixas d'água em fibra de vidro, polietileno e piscinas, em Vitória da Conquista, com investimentos de R$ 1,5 milhão. A capacidade de produção será de 13.650 unidades/ano, com a promoção de 57 empregos.

Já a Indústria Baiana de Vidros vai ampliar e modernizar, no município de Santo Antônio de Jesus. A unidade industrial produz quatro tipos de chapas, vidro temperado e laminado, além de espelhos. Serão investidos R$ 5 milhões, com incremento na capacidade de produção de 360 mil m²/ano. Serão mantidos os 287 empregos existentes e promovidos 45 novas vagas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário