quarta-feira, 24 de maio de 2017

CRUZ DAS ALMAS: Projeto Arborizar UFRB realiza primeiro plantio no campus do município

O Projeto Arborizar da Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) realizou o primeiro plantio de mudas nativas no campus de Cruz das Almas na última quinta-feira. A iniciativa fez parte do Trote Ecológico que ocorreu durante a programação do Reencôncavo 2017.1, evento de boas vindas aos calouros do Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB).

Foram plantadas em torno de 400 mudas no trecho do portão da Tabela, além de 20 mudas em frente ao Hospital Universitário de Medicina Veterinária (HUMV). De acordo com a estudante do curso de Engenharia Sanitária e Ambiental (ESA) e uma das coordenadoras do projeto, Lany Mendes, foram priorizadas mudas de árvores nativas e que estavam em boas condições no viveiro da UFRB, dentre elas pata de vaca, pau brasil, ipê rosa, moringa, pau ferro, sibipiruna, chuva de ouro e paineira. A ideia é promover uma maior arborização do campus.

“Entendemos que a falta de sombreamento em determinadas áreas do campus de Cruz das Almas reduz a qualidade de vida da comunidade acadêmica, que se expõe à intensa radiação solar e ao calor excessivo”, aponta Lany. “A arborização fornece também outros benefícios como a criação de um habitat para espécies de animais nativos, a exemplo de micos e corujas buraqueiras, e o aumento da conectividade biológica entre fragmentos florestais”, completa. A estudante destaca ainda a capacidade mobilizatória e o potencial educativo do projeto “ao envolver diversos agentes sob a égide da responsabilidade socioambiental”.

Participaram do primeiro plantio do Projeto Arborizar estudantes, professores e técnicos-administrativos. Todos receberam instruções sobre os procedimentos que deveriam ser adotados antes e após o plantio, além de participarem de uma roda de conversa para estimular o comprometimento com a conservação do meio ambiente. Os participantes ganharam plaquinhas com o seu nome e a identificação das espécies plantadas. As placas para o apadrinhamento das mudas foram confeccionadas com resíduos de construção civil, que foram reutilizados.

A ação ambiental contou com o apoio do Núcleo de Gestão de Atividades de Extensão do Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas (CCAAB) e do Núcleo de Meio Ambiente (NUMAM) da Superintendência de Infraestrutura e Espaço Físico (SIPEF). “Essa iniciativa é de suma importância para uma maior interação da nossa comunidade. Com esta parceria, estabelecemos também um compromisso com a manutenção dessas mudas pós-plantio, aumentando o seu percentual de sobrevivência frente aos ataques de animais e períodos de seca”, afirma a chefe do NUMAM, Claudia Souza.


Sobre o projeto – O Arborizar é um projeto de extensão registrado pelo CCAAB desde julho de 2016. A proposta é desenvolver atividades de intervenção na UFRB, que vão desde o recrutamento e capacitação de voluntários até o plantio e manutenção de mudas nativas nos campi. O projeto é coordenado pela docente Flora Bonazzi e pela estudante Lany Mendes, e, atualmente, conta com a colaboração de diversos alunos de graduação, professores e servidores técnicos.

Dentre as ações, o Arborizar já promoveu cursos de produção de mudas com o professor Josival Souza, de homeopatia para formigas com a professora Cintia Armond, geoprocessamento com a professora Claudia Bloisi e georreferenciamento com auxílio da Empresa Júnior ConstruRec. Também foram realizadas campanhas para reutilização de caixas de leite para produção de mudas e atividades ambientais nas escolas do município.

As próximas ações serão a realização de um minicurso sobre compostagem e a criação de um minhocário. E já estão previstas a segunda e a terceira etapas do plantio no campus de Cruz das Almas e na cabeceira da nascente Pinica Dendê.


Saiba mais sobre o projeto clicando na foto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário