terça-feira, 25 de junho de 2019

CRUZ DAS ALMAS: Homem é conduzido para delegacia durante ronda realizada pelo MP e Policia Militar

Um homem suspeito de soltar espadas na rua Arapiraca, no município de Cruz das Almas, foi conduzido para a delegacia na manhã desta segunda-feira (24/junho) durante uma ronda realizada pelo Ministério Público estadual e a Polícia Militar. Na operação, conduzida pelo promotor de Justiça Adriano Marques, um veículo de som, conhecido como paredão, também foi apreendido e conduzido para averiguação dos limites de decibéis.

De acordo com o promotor de Justiça, “apesar da apreensão, foi identificada redução significativa da guerra de espadas nas ruas da cidade, principalmente na Praça João 23; na Avenida Juraci Magalhães e nas ruas da Estação e Arapiraca, onde tradicionalmente a prática acontece”. O capitão Edison, da 27ᵃ CIPM, considera a atuação integrada um elemento importante no combate à guerra. “Este ano, não houve queima de espadas em pontos tradicionais como nos anos anteriores. Temos visto uma redução significativa da quantidade de material nas ruas e de locais queimados, sendo este um reflexo da atuação conjunta com o Ministério Público.

Uma moradora da Av. Juraci Magalhaes, que preferiu não se identificar, considera positiva a atuação, pois fica impedida de abrir a porta de sua casa quando a guerra está acontecendo. “É um absurdo, as crianças ficam sem poder brincar na rua, sem falar nos riscos que corremos quando uma espada entra em casa”. Este ano, o  Ministério Público lançou a campanha  ‘A vida vem antes da tradição’, com o objetivo de alertar e conscientizar a população sobre os perigos da guerra de espadas que acontece durante as festas juninas, no interior da Bahia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário