loading...

quinta-feira, 9 de abril de 2020

Deputado pede que DESENBAHIA suspenda cobrança de financiamento para taxistas

Vice-líder do governo do estado na Assembleia Legislativa, o deputado estadual Robinson Almeida (PT) apresentou Indicação ao presidente da Agência de Fomento do Estado da Bahia (DESENBAHIA),  Francisco Alfredo Marcílio de Sousa Miranda, para que a instituição financeira suspenda o vencimento da cobrança de financiamento do Programa de Renovação da Frota de Táxis do Estado da Bahia (Protáxi) por 90 dias, prorrogado por igual período, se necessário, em decorrência da pandemia causada pelo Coronavírus. O parlamentar argumenta que a pandemia e a redução de circulação de pessoas nas ruas impactaram "severamente" também na atividade dos taxistas, impedindo a esses profissionais de honrar compromissos financeiros assumidos com o órgão do Estado.  

"As informações que nos chegam da grande maioria dos municípios contemplados pelo PROTÁXI revelam que o cumprimento da obrigação com a DESENBAHIA, neste instante, coloca os taxistas em estado de maior vulnerabilidade, porque além do encolhimento da renda, podem precisar, como toda a população, de recursos adicionais para fazer frente a despesas com saúde, no contexto da pandemia que se disseminou por todo o mundo", argumenta Robinson, defensor do isolamento social como medida importante para conter a propagação do coronavírus.

"Neste instante de dificuldade, parece-nos razoável e recomendável que a DESENBAHIA suspenda o vencimento das parcelas do financiamento do PROTÁXI, inicialmente pelo prazo de 90 (noventa) dias, ante a notória diminuição dos rendimentos dos taxistas, avaliando mais à frente a renovação da suspensão, por igual período, acaso perdure por mais tempo as medidas de isolamento social recomendadas pela Organização Mundial de Saúde", enfatiza o deputado, que destaca o papel de fomento da Agência no desenvolvimento estadual e sua importância socioeconômica no enfrentamento da crise. "Temos a convicção de que nesta conjuntura de dificuldade a DESENBAHIA mostrar-se-á parceira da classe trabalhadora, em especial dos taxistas nesse momento de crise", pontuou. Salvador conta com mais de 7.200 taxistas, enquanto no estado são mais de 15 mil profissionais atuando no transporte de passageiros por táxis.

Nenhum comentário:

Postar um comentário