loading...

quarta-feira, 1 de abril de 2020

Justiça determina que verba arrecadada em operação da PF seja para combate ao coronavírus

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) determinou, nesta terça-feira (31), que parte da verba arrecadada com os acordos de delação premiada da Operação Adsumus seja destinada a ações de enfrentamento ao novo coronavírus no estado.

A operação investiga lavagem de dinheiro, licitações e contratos fraudulentos nas cidades de Muritiba e Santo amaro, que ficam no recôncavo baiano, entre os anos 2000 e 2016. A decisão foi do juiz Gustavo Teles Veras Nunes, da comarca de Santo Amaro, que determinou o repasse de mais de R$ 440 mil para o fundo estadual de saúde.

De acordo com o Ministério Público da Bahia (MP-BA), o juiz estabeleceu que o dinheiro deve ser usado para compra de insumos médico-hospitalares de necessidade emergencial, como aparelhos respiratórios, máscaras de proteção, escudos faciais e materiais de proteção dos profissionais de saúde. Ele também determinou o prazo de 90 dias para a prestação de contas.

A Bahia confirmou, nesta terça, outros 41 casos do coronavírus e chegou a 217 pacientes no total. Desse número, 42 seguem internadas em hospitais e o restante dos pacientes está em isolamento domiciliar. O estado tem dois óbitos confirmados pela doença.

F: G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário