quinta-feira, 20 de maio de 2021

"Está descartado o apoio do DEM à candidatura de Doria", diz ACM Neto

Para o presidente nacional do Democratas, ACM Neto, o governador João Doria (PSDB) agiu de forma "politicamente inábil" ao conduzir a migração do vice-governador de São Paulo, Rodrigo Garcia, do DEM para o PSDB. Essa movimentação, segundo ele, deixa Doria "isolado" e sem o apoio do DEM a uma eventual candidatura do tucano para a Presidência em 2022.


"Não vamos comprometer essa relação de amizade histórica dos dois partidos. Mas o que nesse momento está obstruído é o diálogo com o Doria", disse ACM Neto ao participar do UOL Entrevista, conduzido pelo colunista do UOL Tales Faria.

"Se você me perguntar: vão deixar de conversar com o PSDB? De maneira alguma. Porém, hoje, está descartado o apoio a uma eventual candidatura de Doria à Presidência da República."

O presidente do Democratas lembrou que ainda não se sabe se Doria será, de fato, o nome do PSDB na corrida pelo Planalto. O partido já anunciou que decidirá seu candidato por meio de prévias. Entre os nomes que vêm sendo ventilados como possibilidades na disputa estão o do senador Tasso Jereissati (PSDB-CE) e o governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB-RS).

O ex-prefeito de Salvador ressaltou que, apesar do desentendimento com Doria, o diálogo entre os dois partidos, DEM e PSDB, não deve ser prejudicado. "A relação dos partidos é muito boa, histórica, de longa data. Estivemos junto governando o Brasil, governando estados importantes desse país", afirmou.

Nenhum comentário:

Postar um comentário