quinta-feira, 23 de dezembro de 2021

CRUZ DAS ALMAS: Prefeitura paga novos beneficiados pela Lei Aldir Blanc

Nesta quinta-feira (23), 18 agentes culturais cruzalmenses selecionados pelo Prêmio Maestro Erasmo Elias de Fomento à Cultura receberam os recursos oriundos da Lei Aldir Blanc. A Prefeitura Municipal de Cruz das Almas, por meio da Secretaria de Esporte, Cultura, Turismo e Lazer, repassou auxílios nos valores de R$ 1 mil a R$ 5 mil aos contemplados.

As propostas culturais premiadas pertencem aos segmentos de artesanato, estrutura de show, artistas circenses, filarmônicas e mestre e contramestre de capoeira. “Esse é um recurso do Governo Federal, mas o dinheiro vai circular aqui no Município. O auxílio vai fortalecer a cultura para recuperar os danos causados pela pandemia”, afirmou o secretário titular da pasta, Valdo Caldas.

Publicado no mês de novembro, o edital para pagamento de auxílio emergencial através da Lei Aldir Blanc foi realizado com recursos remanescentes do primeiro repasse ao Município. No início do ano, outros 83 proponentes receberam R$ 418 mil para a execução dos projetos.

A Associação Filarmônica Lira Guarany, o Circo Gromer e o grupo Roda de Cantoria na Capoeira foram alguns dos projetos contemplados com o novo edital. “A gente ficou tempo parado sem poder fabricar ou vender. Foram dias difíceis. Hoje só tenho a agradecer ao pessoal da Secretaria que nos deu todo apoio”, disse a artesã Celma Maria Conceição, que trabalha com peças de bordado, pintura e crochê e foi selecionada no novo edital.

O objetivo da Prefeitura é apoiar o setor cultural, que teve as suas atividades afetadas devido à pandemia de covid-19. Os recursos já estão disponíveis nas contas bancárias dos beneficiados e devem ser utilizados para estimular o desenvolvimento das diversas linguagens artísticas e culturais, com apresentações em praças, feiras, exposições e outros eventos.

Para a Secretária da Fazenda, Patricia Karine, o pagamento na semana do Natal dá esperanças de dias melhores para todos. “Estamos aqui para fazer política pública e usar o dinheiro do povo para o povo. Fizemos uma força tarefa para pagar os auxílios e nosso sentimento é de dever cumprido”, concluiu.

Nenhum comentário:

Postar um comentário