terça-feira, 18 de janeiro de 2022

Assassino de Alessandra é preso por feminicídio

Um homem foi preso por matar a companheira a tiros na Rua José Saint Clair, no bairro Jaguarão, em Ipirá na madrugada desta segunda-feira (17).

A vítima é a Alessandra Souza Rios, que tinha 40 anos. Informações preliminares apontam que ela foi assassinada na frente da filhas do casal, que são gêmeas. O investigado pelo crime é conhecido como Carlos Judeu.

Alessandra chegou a ser socorrida por vizinhos para uma Unidade de Pronto Atendimento (UPA), mas não resistiu aos ferimentos. De acordo com a Polícia Civil, Carlos foi levado para a delegacia da cidade por policiais militares, que o encontraram em uma fazenda.

A polícia informou ainda que a investigação está em fase inicial e não há mais detalhes sobre o crime, como a motivação. Testemunhas devem ser ouvidas nesta tarde.

Nas redes sociais, a Prefeitura de Ipirá compartilhou uma nota em que se manifestou sobre o caso. Na publicação, a gestão informou que se solidariza com os familiares e amigos, e avalia o crime como uma brutalidade.

A prefeitura argumentou ainda que crimes de gênero e feminicídios revelam uma “sociedade doente, que precisa de campanhas de orientação”.

F: G1 Bahia

Nenhum comentário:

Postar um comentário