domingo, 31 de outubro de 2021

É preso neste domingo, o segundo suspeito de envolvimento na morte de policial civil

Em pouco mais de 24h após a morte do policial civil Eliel Santana dos Santos, de 58 anos, que foi vítima de um latrocínio na zona rural do município de São Gonçalo dos Campos, a Polícia Civil de Feira de Santana, em uma força-tarefa e em um trabalho com diversas diligências, prendeu no final da tarde deste domingo (31), o segundo homem acusado de participar do crime.

Entenda o caso
Eliel voltava com a esposa da casa de um casal de amigos no povoado de Magalhães em São Gonçalo dos Campos, pilotando uma moto, quando foi surpreendido por dois homens tentando roubá-lo. Ao notarem que ele era policial, deflagraram tiros e Eliel mesmo baleado reagiu, alvejando Charles André Santos de Sales Júnior, de 18 anos que também morreu.

O outro homem fugiu após o crime e segundo o delegado Roberto Leal, coordenador regional de Polícia Civil, a polícia ficou em seu encalço até lograr êxito na prisão. O acusado foi encontrado na Expansão do Conjunto Feira IX e autuado em flagrante.

“Essa operação iniciou desde o momento que o colega Eliel foi alvejado na noite de ontem. Logo em seguida com a informação sobre o segundo envolvido, foram feitas diversas diligências na tentativa de alcançá-lo, mas nos dois lugares onde possivelmente ele estava, ele acabou evadindo-se durante a chegada da polícia. As operações continuaram e o prendemos esta noite. Ele confessou a participação no crime e negou ter efetuado qualquer disparo. Confirmou que estava no local para realizar um roubo de moto e não havia alvo pré-determinado”, afirmou Roberto Leal

O delegado acrescentou que o acusado será apresentado à justiça e o inquérito policial concluído no prazo de dez dias.

F: Acorda Cidade

Nenhum comentário:

Postar um comentário