terça-feira, 16 de novembro de 2021

Ministro João Roma pede exoneração

O ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos-BA), foi exonerado do cargo nesta terça-feira (16/11). A ato está publicado no Diário Oficial da União.

De acordo com o texto, a exoneração foi realizada a pedido do próprio ministro. A portaria é assinada pelo vice-presidente da República, Hamilton Mourão (PRTB) — o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) está em viagem internacional a países árabes.

A reportagem procurou a assessoria do Ministério da Cidadania para prestar esclarecimentos sobre a exoneração, mas não obteve retorno até a publicação deste texto. O espaço segue aberto.


Roma cuidará de suas emendas na Câmara, assim como o ministro do Trabalho e Previdência, Onyx Lorenzoni . Ambas as exonerações são temporárias.

Lorenzoni deverá voltar ao cargo nos próximos dias e Roma deve retornar ao cargo nesta sexta-feira (19). Até lá, os deputados federais licenciados deverão conversar com parlamentares para distribuir emendas negociadas para o Rio Grande do Sul e para a Bahia, seus estados de origem, em 2022.

Nenhum comentário:

Postar um comentário