terça-feira, 12 de abril de 2022

Dupla morre após confronto com a PM e influenciadoras digitais são presas ao tentar fugir

Dois homens foram mortos em troca de tiros com a polícia na noite desta segunda-feira (11), nas imediações da Pousada Paraíso, no município de Jaguaripe. De acordo com a polícia, guarnições do 14º BPM foram informadas por populares sobre a presença de dois indivíduos armados na praia dos Garcez.

Com a aproximação da guarnição, os suspeitos efetuaram disparos e no revide, ambos foram alvejados. Ainda segundo a polícia, os homens identificados como Agnaldo Leite da Silva Neto, de 29 anos, e Felipe Augusto Machado Lima, 28 anos, foram socorridos para o hospital Gonçalves Martins, em Nazaré, mas não resistiram e foram a óbito.

Os homens estavam acompanhados pelas influenciadoras digitais Adrian Grace e Laylla, que tentaram fugir do local a bordo de uma pickup Fiat Touro.

MATERIAIS APREENDIDOS:

⁃ 01 (uma) pistola Taurus, modelo 24/7, cal. 9mm, número TGX11977, com 8 (oito) munições intactas;
⁃ 01 (uma) pistola Taurus, modelo 845, cal. 45, número NHT95236, com dois carregadores e 16 (dezesseis) cartuchos intactos;
⁃ Veículo Fiat Toro, branco, placa RDR3J60;
⁃ Aproximadamente 1kg de cocaína;
⁃ R$ 202,00 em espécie;
⁃ 03 aparelhos celulares modelo iPhone;
⁃ 07 (sete) cartões de banco com bandeiras diversas;
⁃ Outros objetos pessoais.

Todo material foi apresentado na 1ª Delegacia Territorial de Santo Antônio de Jesus.

RELEMBRE O CASO

A pousada Paraíso Perdido pertencia ao empresário Leandro Silva Troesch, morto no dia 25 de fevereiro deste ano com um tiro na cabeça. Em 2021 ele foi preso junto com sua esposa Shirley da Silva Figueiredo, por um crime cometido em 2001. Os dois foram sentenciados pelos crimes de roubo e extorsão mediante sequestro contra uma mulher em Salvador. A viúva do empresário segue foragida suspeita de envolvimento no crime de Leandro.

Nenhum comentário:

Postar um comentário