sábado, 7 de maio de 2022

Compositor de Santo Antônio de Jesus - BA faz música especial para o Luva de Pedreiro

Na voz de Max Williams, o forrozeiro adorador, a música composta por Elvis Grise “Luva de Pedreiro” e produzida no Studio acdrumsroom de Cruz das Almas - BA, conta a história de um garoto de 20 anos, residente em Tábua, interior do Estado da Bahia. A letra da canção não só evidencia as experiências vividas pelo Luva de Pedreiro, como retrata também as dificuldades e lutas passadas por muitos jovens do interior da região Nordeste. Por fim, destaca a resiliência e superação de Iran Ferreira, que se tornou fonte de inspiração para muita gente atualmente.

O cantor e compositor Max Williams o forrozeiro adorador de Cruz das Almas-BA afirmou ter ficado muito feliz pelo convite do compositor Elvis Grize, parceiros a algum tempo. Para ele, “cantar a história de Iran Ferreira no estilo forró nordestino estimula e fortalece ainda mais o nosso sentimento de identidade de pertença, ao mesmo tempo que comparo experiencias parecidas que vivi em minha infância, também de muitas dificuldades”.

Quem é o famoso Luva de Pedreiro?
Conhecido pelo bordão “Em nome do Pai, do Filho e do Espirito Santo, Recebaaaa”, Iran Ferreira de 20 anos viralizou nas redes sociais como o “Luva de Pedreiro”. Jogador e influenciador digital, Iran se transformou no mais novo fenômeno nas redes sociais após postar diversos vídeos, mostrando todo o seu talento com a bola e, acima de tudo, o seu carisma no campo de terra batida em Tábua, seu povoado, onde possui o carinho e a admiração de todos.

Nascido no interior da Bahia, no Município de Quijingue, seus vídeos produzidos no povoado de Tábua, em um campo de terra batida, ficaram bastante conhecidos e ganharam alcance jamais esperado. Atualmente Iran Ferreira possui mais de cinco milhões de inscritos no TikTok, 6,5 no Instagram, 636 mil no Youtube e 458 mil no Twitter, compartilhando o seu conteúdo e contribuindo para que aumente ainda mais a quantidade de seguidores em suas redes.

Origem do apelido “luva de pedreiro”?
Iran Ferreira contou que o inverno lá em Tábua é bastante frio e, para proteger as mãos durante os seus treinos, ele precisou comprar luvas de pedreiro para treinar. As luvas específicas para esse fim, de jogadores famosos que ele via pela TV, eram bastante caras e a luva de pedreiro eram mais em conta e acessíveis.

A partir daí, os internautas que visualizavam os seus vídeos começaram a chama-lo de “LUVA DE PEDREIRO”. O compositor Elvis Grize destacou que, “o que mais me motivou a fazer uma música para o Iran Ferreira foi a semelhança com algumas dificuldades que tive no início de minha carreira de jogador de futebol”. Ressaltou ainda, que assim como Iran, o nosso Luva de Pedreiro, ele sonhava em poder se destacar como esportista, mas por muitas vezes não tinha o dinheiro para poder se deslocar até os treinos, tomar café pela manhã, sem o devido apoio local, além do que, com 11 anos de idade, tinha que trabalhar em um turno e estudar no outro, só para poder merendar. Disse ainda que “tudo foi superado porque o sonho era maior que as dificuldades enfrentadas”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário