terça-feira, 22 de janeiro de 2019

Facção Bonde do Maluco (BDM) executa padrasto que teria estuprado criança de 2 anos em Vila Canária

Integrantes da facção criminosa Bonde do Maluco (BDM) localizaram e executaram um homem no início da noite desta segunda-feira (21/01), na capital baiana. A vítima teria sido responsável pelo abuso sexual e morte de uma garota de apenas 2 anos, ocorrido no domingo (20/01), no bairro de Vila Canária, em Salvador.

Os próprios marginais fizeram registros no celular da execução do suposto estuprador e compartilharam em grupos de WhatsApp. O bairro que ele foi morto não foi revelado ainda. Nas imagens, é possível ver o suposto criminoso totalmente despido sendo espancado com pedaços de madeira e com uma arma de fogo apontado para a cabeça. O corpo foi encontrado na noite de ontem (21/01), por volta das 22h, no CIA-Aeroporto.

A p* tá pedindo até por favor agora. Vai morrer, v*! Aqui é o Bonde do Maluco, desgraça. Chegou em criança, ô, nois mata. Estuprador, maldito”, diz um membro do grupo durante gravação de um vídeo.

Na manhã de ontem, a Secretaria de Segurança Pública (SSP) divulgou a foto do suspeito do estupro, identificado como Edson Neris Barbosa Santos, de 27 anos. Ele morava com a mãe da menina e atacou a enteada na casa em que viviam. A criança ainda foi socorrida para a UPA de São Marcos, mas não resistiu aos ferimentos.


F: Informe Baiano

Nenhum comentário:

Postar um comentário