sábado, 8 de maio de 2021

CRUZ DAS ALMAS: Prefeito Ednaldo Ribeiro participa do evento Isso é Cidadania, em Salvador

O ministro da Cidadania, João Roma (Republicanos), segue com agendas frequentes na Bahia. Cotado para concorrer ao Governo do Estado em 2022, ele defendeu ontem que o momento é de cooperação para superar a pandemia da Covid-19 e suas consequências para a população ao participar em Salvador do evento "Isso é Cidadania". A ação contou com entrega simbólica de cestas básicas, por meio da iniciativa Brasil Fraterno, e com repasse das chaves de 12 micro-ônibus para o Programa de Mobilidade de Assistência Social (MobSUAS) para municípios baianos. Deputados federais e estaduais, além de 27 prefeitos, vereadores e lideranças de diversos municípios participaram do ato.

"Tenho fé e esperança que o povo brasileiro vai superar todas essas mazelas. Nós estamos aqui na nossa obrigação de não deixar ninguém para trás. Portanto, eu agradeço a todos vocês pela parceria, pela cooperação, pela presença e pelo trabalho por aqueles que mais precisam", frisou o ministro, em seu discurso.

Participaram do evento o secretário-executivo do Ministério da Cidadania, Luiz Galvão; o diretor de Operações e Abastecimento da Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), José Jesus Trabulo; o secretário de Promoção Social, Combate à Pobreza, Esportes e Lazer de Salvador, Kiki Bispo, entre outros. Ainda participaram do evento o deputado federal Mário Negromonte Júnior (PP); os deputados estaduais Capitão Alden (PSL); Kátia Oliveira (MDB); Josafá Marinho (Patriota); Niltinho (PP); Samuel Júnior (PDT); e Talita Oliveira (PSL); e os vereadores de Salvador Maurício Trindade (MDB) e Sidinho (Podemos).

Entre os prefeitos, estiveram presentes Wilson Cardoso (Andaraí); Elinaldo Araújo (Camaçari); Eliana Gonzaga (Cachoeira); (Camaçari); Branco (Cardeal da Silva); Marcelo Araujo (Conceição do Coité); Ednaldo Ribeiro (Cruz das Almas); Nandinho (Esplanada); Luciano Pinheiro (Euclides da Cunha); Mário Alexandre (Ilhéus); Luizinho (Itagimirim); Marcos Sarmento (Itanagra); Zé Cocá (Jequié); Binho (Laje); Moema Gramacho (Lauro de Freitas); Adilton Filho (Madre de Deus); Valnicio Armede (Maragogipe); Eunice Peixoto (Nazaré); Yuri (Pedro Alexandre); Janio Natal (Porto Seguro); Irenilda Cunha (Poções); Adriano Lima (Serrinha); Dinha (Simões Filho); Cristiane Guimarães (Taperoá); Marco Lobo (Uauá); Jairo Freitas (Valença); Ubaldino (Valente); e Bahia (Varzedo).

Roma entrou na lista de possibilidades de apoio do presidente Jair Bolsonaro para a eleição ao Governo da Bahia em 2022. O líder máximo do Executivo precisará de um nome para representar o bolsonarismo em território local no próximo pleito. O candidato natural de Bolsonaro deveria ser, em tese, ACM Neto (DEM). O ex-prefeito de Salvador, contudo, tem se distanciado cada vez mais do bolsonarismo diante da impopularidade do presidente no interior do estado.

DOAÇÕES - Roma também assinou a Ordem de Pagamento para Aquisição de caminhões que reforçarão o Programa de Aquisição de Alimentos (PAA) e viabilizou a doação de veículos a entidades que atuam na redução da demanda de drogas. Ele ainda acompanhou a entrega de sala de operações do programa Forças no Esporte (Profesp), uma parceria do Ministério da Defesa com a Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania, por meio do programa Segundo Tempo.

Por meio do Brasil Fraterno, 373.104 cestas básicas serão doadas a 93 mil famílias em 13 municípios. A iniciativa reúne ações governamentais e de parceiros em torno de uma rede de solidariedade para amenizar impactos sociais, econômicos e nutricionais da pandemia do novo coronavírus. O Brasil Fraterno incorporou todas as ações executadas pelo Ministério da Cidadania voltadas para aquisição e distribuição de cestas de alimentos.

Muitas famílias estão vivendo um drama muito grande, com pessoas impedidas de saírem para ganhar seu sustento. Estamos avançando na vacinação, mas a fome não pode esperar. Este é um momento de cooperação, não de partidarismos, de queda de braço. É assim que vamos conseguir ser mais efetivos, próximos daquela população que mais precisa”, ressaltou o ministro.
Com a camisa do Doce Mel, Roma visitou a cidade e Cruz das Almas neste sábado. Está é a primeira visita que Roma faz ao município já como ministro. Acompanhado do prefeito Ednaldo Ribeiro e dos secretários do primeiro escalão, Roma foi até a feira livre para ouvir as necessidades dos comerciantes informais que foram duramente afetada pela crise econômica causada pela pandemia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário