domingo, 5 de setembro de 2021

CRUZ DAS ALMAS: Após denuncia no Forte no Recôncavo, mulher vítima de AVC consegue transferência para o HRSAJ

A senhora Marines da Silva, 55 anos, conseguiu a transferência para o Hospital Regional de Santo Antônio de Jesus (HRSAJ) após denúncia feita pelo Jornal Forte no Recôncavo. Marines, estava há 15 dias internada na UPA de Cruz das Almas após ter sofrido um AVC hemorrágico. Desde então, a mesma permaneceu internada, para angustia de familiares e da própria paciente que agonizava num leito sem muitos recursos para trata-la. Desesperada ao ver o quadro clinico de dona Marines se agravando a cada dia, uma familiar procurou a nossa reportagem para relatar a morosidade na regulação de dona Marines. Assim que publicamos a matéria, recebemos inúmeras ligações de pessoas dispostas a ajudar a agilizar o processo de regulação para um hospital. O repórter Marcelo Santos não mediu esforços para ajudar. Foram inúmeras tentativas de contato com autoridades da capital e políticos do município para até que obtivemos resposta por parte de pessoas ligadas a área da saúde que sensibilizados, conseguiram agilizar o processo de regulação.

De acordo com as ultimas informações, a senhora Marines já passou pelo neurologista, fez exames e esta prestes a receber alta. Nós do Jornal Forte no Recôncavo, agradecemos a todos que se empenharam direta ou indiretamente nesta luta para ajudar uma cidadã cruzalmense que tanto contribuiu para com o nosso país, mas que num momento de dificuldade, foi menosprezada pelo sistema que aí está. Desejamos um boa recuperação a senhora Marines!

E pedimos as autoridades competentes que fatos isolados como este não se torne rotina nas unidades de saúde do nosso estado, pois o cidadão contribuinte merece respeito e deve acima de tudo, ter direito a um atendimento humanitário como o Sistema Único de Saúde deve oferecer a todos para que se preserve o direito e garantias de todos os cidadãos conforme o que diz o artigo 6ª da Constituição brasileira que garante os direitos sociais a todos nós que por direito adquirido temos de ter educação, saúde, moradia digna, lazer, proteção maternidade e à infância, previdência social, segurança e assistência aos desamparados.

Mais uma vez, obrigado leitores!

Nenhum comentário:

Postar um comentário