terça-feira, 4 de janeiro de 2022

Laje e Sapeaçu registram mortes por gripe H3N2

Foi confirmada a primeira morte por Influenza (H3N2) na cidade de Sapeaçu. A informação foi divulgada pelo prefeito do município, Dr. George Gois que reforçou o alerta para que, principalmente os idosos fiquem atentos aos sintomas relacionadas a síndrome gripal.

“Infelizmente tivemos a confirmação de uma morte causada pela Influeza H3N2. Peço, principalmente os idos, as famílias que tem idosos, que as primeiros sintomas de febre, coriza e tosse, levem ao posto de saúde para ser avaliado”, informou.

A cepa da gripe que está provocando surtos epidêmicos em vários estados brasileiros. até o mês de dezembro de 2021, a Bahia já havia registrado 673 casos de H3N2 e 8 óbitos pela doença. Dos óbitos, 7 ocorreram em Salvador e 1 em Laje.

A maior letalidade foi observada na faixa etária igual ou maior a 80 anos, com registro de 06 óbitos. Os outros dois foram nas faixas de 60 a 69 anos (01 óbito) e 70 a 79 anos (01 óbito). Apenas 01 óbito não apresenta informações acerca da presença de comorbidades.

A orientação da Sesab é que população siga os protocolos sanitários fazendo uso de máscara, higienização das mãos e evitando aglomeração.

Caso apresente sintoma de síndrome gripal, com febre, falta de ar, indisposição, que impossibilite as atividades normais, a recomendação é procurar uma unidade de saúde.

F: Blog do Valente

Nenhum comentário:

Postar um comentário